Não é segredo para nós de que as crianças estão tendo cada vez mais cedo contato com aparelhos digitais, deixando os brinquedos como pipa, bicicleta, futebol, pega-pega para jogar jogos no seu tablete. É difícil conseguir pensar em uma criança nos dias de hoje que prefere soltar pipa do que ficar vídeo game, provavelmente seus filhos não vão nem ter acesso a esses passatempos.

Uma pesquisa realizado pela AVG Technologies perguntaram para famílias de todos os lugares do mundo, e concluiu que 66% das crianças entre 3 e 5 anos de idade conseguem divertir-se em jogos no computador, 47% sabem utilizar um aparelho smartphone, mas apenas 14% era capaz de amarrar os sapatos sozinhos. No caso das crianças brasileiras, registrou que 97% das crianças entre 6 e 9 utilizam a internet e 54% têm perfil no Facebook.

A academia Americana de Pediatria divulgou um documento que mudou alguns pensamentos antigos, o primeiro contato com o universo digital está permitido a partir dos primeiros 540 dias com supervisão ativa dos responsáveis, de 2-5 anos recomenda que os pequenos devem utilizar apenas uma hora por dia, depois a frequência deve ser personalizada. “Essa é uma questão de saúde pública, uma vez que as crianças estão cada vez mais expostas às telas. E isso em um momento crucial para o desenvolvimento de habilidades que serão importantes por toda a vida”, alerta a neuropediatra Liubiana Arantes Regazoni, da Sociedade Brasileira de Pediatria(SBP).

São números preocupantes e que devemos refletir se estamos criando essas crianças de maneira certa, se devemos ser mais rigorosos, acompanhando o que ele está acessando, o número de menores acessando sites com conteúdo pornográfico está crescendo. A quantidade de obesos também pelo simples fato de crianças ou jovens não estarem praticando exercícios físicos, prejudicando a saúde da nova geração. Abaixo segue as consequências do uso a frente das telas:

Sedentarismo (Falta de atividade física regularmente).

Atrasos no desenvolvimento cognitivo (dificuldades na linguagem, raciocínio, memoria, etc.).

Sono prejudicado (recomenda-se que devemos dormir em média 8horas por dia).

Ansiedade (estado de medo pela antecipação de uma situação desagradável ou perigosa).

Solidão (falta de companheiros para conversar, desenvolvendo até depressão).

Outros problemas (Hiperatividade, problemas de concentração, falta de noção de espaço, irritabilidade, bipolaridade, etc.).

Agora que você tem conhecimento ao que as telas dos computadores, smartphones, tabletes, televisão, vídeo games dentre outros equipamentos digitais podem causar, você vai ficar ensinando seu filho a passar em uma fase daquele game ou vai ensinar ao seu filho a amarrar o cadarços dos seus tênis?

About The Author

Olá, tudo bem?

Related Posts